Sábado, 25 Maio 2019

iniciou-se a construção da rede pública de abastecimento de água na Rua do Cardal

[Iniciou-se a construção da rede pública de abastecimento de água na Rua do Cardal]

Castelenses e amigos leitores, entramos em novembro e caminhamos a passos largos para o final de 2018. Com isto termina também o primeiro ano deste nosso mandato. E, mesmo sendo o primeiro ano do mandato, que costuma ser de pouco investimento no geral, Castelo do Neiva não sentiu o ritmo a abrandar. Como se recordarão, ao longo das informações que mensalmente aqui deixo ficar, houve sempre obras a decorrer na nossa terra.

A obra de saneamento está praticamente pronta. Os ensaios à rede estão feitos, faltam alguns remates das caixas e pouco mais. Quando for possível fazer-se a ligação à rede as pessoas serão informadas.

Há algumas situações que foram solicitadas pela Junta de Freguesia aos Serviços Municipais. Mas que só serão resolvidas posteriormente. Isto é, depois da obra acabada e entregue pelo empreiteiro. Porque esses trabalhos não estão previstos no projeto e consequentemente na empreitada. Tenho o compromisso dos SMSBVC que estes casos serão resolvidos como por exemplo a Quelha do Pinheiro Manso e uma situação na Rua Estreita.

Outras situações que chamamos à atenção no local foram algumas anomalias verificadas nos pavimentos, e problemas com as cotas das ruas que ficaram altas em relação ás cotas das soleiras.

No fundo, estivemos atentos ao desenrolar da obra e fomos registando todas as queixas e sugestões dos moradores, pois são eles quem melhor conhece a própria rua.

Mas se uma obra acaba, logo outra começa. Tem sido assim nos últimos anos. No entanto, ainda há uma ou outra pessoa, menos atenta, que por entre conversas de café ou “postagens escritas” nas redes sociais, vão afirmando que nada se faz e que os caminhos estão com erva... Felizmente vejo já muitas pessoas que limpam a frente do seu terreno, e, curiosamente, não é nenhuma das que referi anteriormente... Curiosidades...

Mas como estava a escrever, quase terminada a obra de saneamento na parte norte da freguesia, iniciou-se a construção da rede pública de abastecimento de água na Rua do Cardal. Este foi um pedido que fiz aos Serviços Municipais, na sequência da seca de anos anteriores que fez com os poços das habitações desta rua secassem. Ficará este caso resolvido com esta obra.

Deixo aqui as taxas de cobertura em Castelo do Neiva. Sendo que, ainda não estão contabilizadas as ligações desta ultima grande empreitada; A taxa de cobertura de abastecimento de água é de 95%, e a taxa de saneamento é de 39%.

Como é óbvio a taxa de abastecimento de água não vai subir muito, mas a taxa de saneamento queremos que continue a subir ao ritmo destes últimos 5 anos. E é por isso que já há mais obras previstas, senão antes, no próximo ano. Nomeadamente a Quelha da Mina, Rua Nª Senhora das Neves, Rua de Sendim e Rua dos Pedrões. Por este facto quero deixar uma palavra de apreço ao Presidente da Câmara, Eng.º José Maria Costa e ao Vereador e presidente do conselho administrativo dos Serviços Municipais, Eng.º Vítor Lemos pelo esforço e por perceberem as dificuldades em que Castelo do Neiva se encontra nesta matéria.

No portinho de pesca de Castelo do Neiva foram iniciados os trabalhos da retirada das telhas com amianto. Este trabalho carece de medidas especiais de proteção uma vez que o Amianto é perigoso para a saúde dos trabalhadores.

 

Armazéns pescadores - pedra alta

Para preparar esta fase a Edp cortou a eletricidade nesta área. Também os pescadores tiveram uma semana atarefada com a retirada de tudo o material que ainda estava dentro dos armazéns, do pedido da retirada dos contadores elétricos, acomodar os barcos numa área definida fora do perímetro de segurança etc... Agradeço aos pescadores pela compreensão e por tudo ter corrido bem nesta fase. Quando todos remamos para o mesmo lado é mais fácil avançarmos.

Para além dos contentores marítimos disponibilizados pela Junta de freguesia com o apoio da Câmara Municipal foi também disponibilizado o espaço da antiga escola Fieiros do Mar, para os pescadores poderem arrumar material.

À espera estamos de autorização para que os pescadores estacionem os barcos no areal, no mesmo local que já estiveram aquando da construção da nova rampa-varadouro.

Entretanto estive na reunião de obra que se realiza todas as semanas. Nesta obra chamei atenção para o projeto da casa do guincho e principalmente da área de chegada dos barcos, que quanto a mim é muito reduzida. Ou seja, quando o barco chega ao topo da rampa deve ficar em chão plano para que os pescadores o possam manobrar à força de braços. E isso parece-me que não está garantido.

Mais uma vez a abertura do ano escutista realizou-se em Castelo do Neiva. Coincidindo com o 40° aniversário do agrupamento 537 de Castelo do Neiva, este evento trouxe à nossa terra cerca de 1300 escuteiros. A cerimónia de encerramento teve de ser mais curta, devido aos avisos do agravamento das condições meteorológicas, pela passagem do furação em Portugal. Mas mesmo assim, ficou evidente a resiliência dos escuteiros, que não arredaram pé até ser dada por encerrada a cerimónia. Parabéns aos escuteiros de Castelo do Neiva e que seja um ano escutista muito profícuo para todos.

No dia 17 de outubro a Junta de freguesia de Castelo do Neiva realizou o baile das Comissões Sociais Interfreguesias - CSIF. Foram cerca de 300 pessoas que estiveram presente no salão do Centro Social e Paroquial de Castelo do Neiva, amavelmente cedido pelo Padre Xavier, a quem agradecemos. Deixo um especial agradecimento à Celeste Cunha, secretária da Junta de Freguesia, que coordenou toda a organização, e agradecer a todos os participantes Castelenses que também ajudaram na organização do evento e abrilhantaram o início da festa com uma atuação musical. Parabéns a todos!

Antes de terminar deixo aqui os parabéns ao Moto Clube Barrigas Negras pelo XIV aniversário e pelo convite para as comemorações. Por motivos pessoais não foi possível estar presente na festa que se realizou no dia 20 de Outubro, mas acredito que tenha sido como manda a tradição e como só os Moto Clubes sabem fazer; com muita alegria.

Faço um pedido urgente aos proprietários dos terrenos confinantes com o cemitério. A norte existe vegetação sobre os jazigos que pode danificá-los. Por favor procedam ao corte.

No final deixo um conselho: Se antes do verão devemos limpar a vegetação dos terrenos devido aos incêndios, não se esqueça de limpar as linhas de água que passam nos vossos terrenos. A responsabilidade das cheias causadas por falta de limpeza, fora das áreas urbanas, é dos proprietários.

 

 

AVISOS

Pedimos a todos, em geral, que não coloquem nas bermas das ruas, dunas ou terrenos públicos todo o tipo de lixo, em especial os considerados monstros (sofás, frigoríficos, colchões, móveis, etc...) Podem ligar para o número 258 806 986, porque a recolha é feita gratuitamente. Não devem colocar, também, material vegetal nos contentores, por exemplo: relva e ramos de árvores. Este comportamento está sujeito a multa.

Avisos

Água pública: - Se detetar ruturas nas condutas de abastecimento de água pública ligue para os serviços municipalizados através do número 258 806 900 ou para a Junta de Freguesia 258 028 256 identificando a rua e local da rutura.

Iluminação pública: - Se detetar avarias na iluminação pública ou lâmpadas fundidas ligue para o número das avarias da EDP 800 506 506, identifique o local. Se passados cinco dias a avaria persistir ligue para a Junta de Freguesia – 258 028 256 – identificando a rua e número de porta.

Taxas de sepulturas – Se ainda não efetuou o pagamento, do ano de 2018, da taxa anual de 10€ para sepulturas e 25€ para jazigos dirija-se à Junta de Freguesia para a liquidação das mesmas.

Ajude a manter a freguesia limpa: A Junta de Freguesia apela a todos os proprietários que confrontem com linhas de água que proceda à sua limpeza, pois é da responsabilidade dos mesmos a sua manutenção e limpeza.

Sendo Castelo do Neiva uma freguesia grande não é possível efetuar a limpeza das ruas em tempo útil pretendido. Apela-se, portanto, a todas a pessoas que queiram ter a gentileza de limpar as bermas e valetas junto às suas propriedade, que liguem para a Junta de Freguesia – 258 028 256 – e o material resultante será recolhido.